TERCEIRIZADOS em Quixadá paralisaram as atividades nesta Terça (16/06)



Agentes de Limpeza Pública (garis), alvos preferidos da Terceirização Sem Limites em Quixadá (CE), decidiram em Assembleia, paralisarem suas atividades em face do não pagamento do salário do mês de maio. 

Neiva Esteves (Presidenta do SINDSEP de Quixadá e Região), convocou a categoria para uma assembleia e segundo a mesma os relatos dos garis são tristes:

"Garis, pais de família que só tem o salário no final do mês para comprar comida, pagar água e luz, novamente passam por esse vexame. Estão cansados de serem desrespeitados. O SINDSEP que com muito esforço os representa tem sempre que correr atrás do pagamento do salário."

A Presidenta afirmou que enquanto a empresa terceirizada contratada pela Prefeitura de Quixadá não realizar o pagamento do mês de maio, as atividades de limpeza urbana serão suspensas. Com isso, perde a população inteira, perde o(a) trabalhador(a). Terceirização sem limites não pode dá outro resultado a não ser o caos.





Postagens mais visitadas deste blog

Janeiro Branco

Graça Costa, do SINDSEP de Quixadá (CE), é eleita Secretária Nacional de Organização Sindical da CUT