CONCURSO PÚBLICO: SINDSEP de Quixadá faz a defesa do que é legítimo.

Neiva Esteves (Presidenta do SINDSEP) em reunião com concursados que lotou o auditório da entidade

"Para o SINDSEP, só existe uma forma legítima para entrada e permanência efetiva no Serviço Público: o concurso público", disse Neiva Esteves, Presidenta do SINDSEP de Quixadá e Região que nesta terça, 07/02, reuniu-se com os candidatos aprovados no último concurso público realizado pela Prefeitura de Quixadá (CE).

Ela afirmou ainda que acordo com as alegações por parte do gestor municipal de que há problemas legais no processo de realização do concurso, não se pode penalizar homens e mulheres que dentro do trâmite que o certame através de seu edital apresentou, estudaram, se prepararam, investiram em sua formação. 

"Nós defendemos o que é o legítimo. Se tem falhas, corrige-se as falhas e segue-se com o concurso público. Há famílias inteiras na expectativa de conseguirem a tão sonhada estabilidade", pontuou Neiva Esteves.

Com a entrada dos novos concursados, diz a sindicalista, o município ganharia pela oxigenação de seus quadros de funcionários com a chega de novos agentes públicos qualificados, o que resultaria em benefícios para a população através do oferecimento de serviços públicos de qualidade. E mais:

"Com a entrada desses novos concursados, o IPMQ será alimentado em suas finanças e assim teríamos a oportunidade de melhorar o desempenho da Previdência Municipal", analisou Neiva Esteves.

A Sindicalista informou que a entidade juntamente com os concursados aguardarão um posicionamento do Ministério Público. O que deve acontecer na próxima semana. A partir, de então, se pronunciarão sobre a reação incisiva a ser tomada tanto por parte da entidade como dos concursados que encontram na entidade o apoio sério de quem há 28 anos representa a Classe Trabalhadora.

Postagens mais visitadas deste blog

Janeiro Branco