CUT Nacional entra na Luta juntamente com SINDSEP e o SEEACONCE para Defender Direitos dos Trabalhadores da FD Empreendimentos



A empresa FD Empreendimentos demitiu 362 Trabalhadores no município de Quixadá. A decisão por tal conjunto de demissões aconteceu após o prefeito interino, João Paulo de Menezes Furtado, não pagar os meses de agosto e setembro devidos à empresa.

Acionamos a CUT Nacional que, na representação da Secretária de Relações do Trabalho Graça Costa, participou da audiência juntamente com o advogado do SINDSEP, Dr. Deodato Ramalho Neto, buscando um entendimento para que os trabalhadores que já perderam seus empregos também não perdessem direitos trabalhistas adquiridos. 

Demonstrando sempre a solidariedade de classe, o SINDSEP de Quixadá articulou-se junto à Procuradoria do Município de Quixadá a participação do SINDSEP juntamente com o Sindicato SEEACONCE que representa os trabalhadores terceirizados, para a participação na audiência realizada nesta terça em Fortaleza.

Na audiência a Prefeitura de Quixadá apresentou proposta de parcelamento dos salários atrasados a serem pagos em novembro, dezembro e janeiro mas a proposta foi recusada pelas partes que defendem os trabalhadores demitidos. Ficou então marcada uma nova rodada de negociação para o dia 13 de novembro. 

Amanhã, 08 de novembro, a entidade sindical dos trabalhadores terceirizados da FD Empreendimentos se reúnem em assembleia e o SINDSEP de Quixadá e Região foi convidado a participar, fortalecendo a luta que continua.

Postagens mais visitadas deste blog

Janeiro Branco