Sheila Gonçalves vai à Colômbia participar de evento mundial em defesa das Mulheres



A Secretária de Formação do SINDSEP de Quixadá e Região e também Secretária da Mulher Trabalhadora da FETAMCE, representa todas as trabalhadoras brasileiras em um evento mundial que acontece em Bogotá, na Colômbia, desde 08 de Junho de 2017. 

Representante do Brasil pela FETAMCE que é filiada a ISP, Sheila Gonçalves possui extensa militância na agenda das mulheres trabalhadoras, participando ativamente de debates e coordenando organismos do controle social cuja política pública para as mulheres tem sido a tônica de suas intervenções. 

O evento mundial que está acontecendo na Colômbia discute Direitos da Mulher  taçando um panorama de uma importante campanha sobre Ação Global para Justiça Fiscal dos dos Direitos da Mulher num esforço junto aos governos de vários paises, entre eles, Brasil, Colômbia, Chile, Peru, Argentina entre outros, buscando soluções a fim de parar o escândalo mundial de sonegação fiscal corporativa, finais fluxos financeiros ilícitos, e transformar as políticas fiscais desiguais em para financiar e cumprir os direitos das mulheres.

De acordo com Sheila Gonçalves, nesse evento mundial, os relatos e as experiências chamam a atenção para uma realidade preocpuante na qual as mulheres são vítimas preferencias de uma estrutura finaceira injusta:

"Estamos constatando a existência de leis discriminatórias nacionais fiscais, paraísos fiscais e cortes de impostos para os ricos proteger o capitalismo eo privilégio masculino, e intensificar a desigualdade de gênero. É hora de colocar uma lente de gênero acentuada em tais práticas e implementar medidas de justiça fiscal que irá garantir uma maior igualdade. Chegamos a um ponto crítico dessa crise. O escândalo mundial de sonegação fiscal por empresas multinacionais e as pessoas mais ricas está devastando nossos países e privando os governos dos fundos urgentemente necessários para pagar os serviços públicos vitais para conseguir os direitos das mulheres ea igualdade sócio-económico", finaliza Sheila.
 

Postagens mais visitadas deste blog

Janeiro Branco